17 de novembro de 2015

Neuropsicologia

Indicações

Problemas como atrasos na aquisição da leitura ou da fala, falta de atenção, lapsos de memória, e alguns problemas de comportamentos podem estar associados não apenas há problemas emocionais, mas também cognitivos.

Esses comprometimentos podem ser causados por complicações durante a gestação, durante o parto, ou pós-parto, como a falta de oxigenação ou mesmo o nascimento pre-maturo. Também, podem ser causados por AVCs ou TCE (Traumatismo Crânio-Encefálico) ou decorrentes de doenças neurodegenerativas como o Alzheimer.

Assim, a Neuropsicologia visa estudar as relações entre o cérebro e o comportamento, por meio da avaliação de funções cognitivas como atenção, memória, raciocínio, linguagem, percepção, entre outros a fim, de identificar mais precocemente os problemas cognitivos que podem vir a prejudicar a qualidade de visa do indivíduo, evitando que o quadro clínico se agrave causando piores sequelas.

Dentre os problemas mais comuns avaliados na Neuropsicologia estão: Distúrbios de Aprendizagem (Dislexia, Discalculia, etc), Transtorno do Défict de Atenção e Hiperatividade (TDAH), Distúrbios mentais, Atraso no Desenvolvimento Motor, Distúrbios de linguagem, e alterações cognitivas decorrentes de AVC (Acidente Vascular Cerebral) ou TCE (Traumatismo Crânio-Encefálico).